Noticias - Jornal Agito Ubatuba

Um novo conceito em jornal

Publicado em 13/04/2015
Colunista: Gabriela Pavani

Compartilhar

Bom Tom


Crianças estressadas? Dicas para ajudar os pequenos.

 

O estresse não é uma doença, mas pode facilitar o aparecimento de diversas enfermidades, tanto em adultos quanto em crianças. O estresse provoca mal-estar que pode aparecer como dor de barriga ou nos músculos, dificuldades para dormir, agressividade, depressão e choro em excesso, irritabilidade e mau humor constante, dificuldade de prestar atenção e inquietação. As principais situações geradoras de estresse infantil estão ligadas a mudanças nos relacionamentos ou ambiente escolar e familiar como o nascimento de irmãos, brigas em família, exigências da professora, hospitalização própria ou de familiares, colegas que a ignoram, morte na família, injustiças em casa, festa de aniversario, pensar que deus vai castigar, a escola, atividades em excesso, preocupar-se demais com tudo, etc. Os pais precisam ficar atentos aos sintomas de estresse quando estas situações estiverem ocorrendo na vida da criança. Algumas estratégias podem auxiliar na ajuda a criança: ressaltar que o estresse passa e que e preciso ter calma; indicar um adulto de confiança para que ela desabafe e divida seus problemas; ajuda-la a respirar fundo e acalmar-se quando estiver muito nervosa e adotar uma rotina de relaxamento; inserir atividades físicas e de lazer na rotina; alimentar-se bem com verduras e frutas diariamente; lembra-la de que há solução para os problemas e que sempre há algo de positivo em uma situação que parece ruim, ajuda-la a não se preocupar com as pequenas coisas, lembrando que quase tudo são pequenas coisas. Se necessário, procurar ajudar profissional de um psicólogo especializado.

Voltar