Noticias - Jornal Agito Ubatuba

Um novo conceito em jornal

Cidade: Ubatuba
Publicado em 23/02/2018

Chuva causa estragos em Ubatuba


Índice pluviométrico registrado nesta quinta-feira corresponde ao total previsto para um mês

 

Aproximadamente 92 pessoas, entre Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Saúde, Voluntários e equipe de governo trabalham desde a noite de ontem (22) para reparar os estragos da chuva que caiu desde o final da tarde.

Ao todo, foram 298 milímetros de chuva – o que corresponde ao previsto para um mês.

As principais consequências foram os alagamentos e quedas de barreira, principalmente nas regiões Centro Sul e Sul da cidade. Trechos da Rodovia Rio Santos ficaram interditados devido ao deslizamento de terra e agora, após a retirada do resíduo pela secretaria de Serviços de Infraestrutura Publica, meia pista foi liberada para tráfego.

No bairro Sesmaria, a queda de barreiras atingiu uma residência, deixando uma vítima: uma mulher de 55 anos.  Um morador da Enseada também ficou ferido. Atualmente, duas pessoas estão feridas na Santa Casa de Ubatuba.

Técnicos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e do Instituto Técnico Geológico já estão se encaminhando para a cidade para fazer uma vistoria técnica. Uma equipe da Defesa Civil do Estado também deve chegar a Ubatuba por volta das 11 horas. A operação da madrugada também contou com o apoio da Defesa Civil e do Corpo de bombeiros das cidades vizinhas: Caraguatatuba e São Sebastião.

Ao todo, são 14 desabrigados que estão alojados no Centro de Convenções “Alfredo Bischof”. O local também acolheu 12 alunos da Escola Municipal Presidente Tancredo de Almeida Neves, que não conseguiram voltar para casa. A primeira-dama do município, Sandra Sato, está no local e já informou o Fundo Social de Solidariedade do Estado, que vai enviar colchões.

O prefeito Délcio Sato está em São Paulo e protocolou um ofício solicitando auxílio para o município. Durante a madrugada, o vice-prefeito Jurandir de Oliveira Veloso “Pelé” assinou um documento que efetua o cadastramento prévio junto Casa Civil, garantindo o direito do prefeito baixar decreto de emergência em um prazo de até 15 dias. Esse Decreto é importante pois viabiliza o repasse de verbas para que os estragos sejam reparados.

"Lamentamos o falecimento ocorrido no bairro Sesmaria. Nossa cidade foi muito afetada pelas fortes chuvas, mas não estamos medindo esforços para recuperar os estragos. Agradeço o apoio das cidades vizinhas, das forças policiais, de todos os funcionários da Prefeitura e dos voluntários. Toda nossa equipe está atuando em diversas frentes do município", garantiu Sato.

 

Educação

Algumas escolas municipais estão sem aulas devido ao ocorrido: EMEI Profª Bessie Ferreira Osório de Oliveira (Itaguá), E.M. Profª Altimira Silva Abirached (Itaguá), E.M. Profª Renata Castilho da Silva (Saco da Ribeira), E.M. Prof.ª Maria da Cruz Barreto (Pereque Mirim), EM Marina Salete (Pereque Açu), EMEI Judith Cabral dos Santos (Pereque Mirim) , EM Profª Maria das Dores Carpinetti (Rio Escuro), CEI Luisa Basílio dos Santos (Saco da Ribeira) e  CEI Maria Lucia da Nóbrega – Rio Escuro.

Solidariedade

Pessoas que puderem colaborar com doação de alimentos, roupas, produtos de higiene pessoal e produtos de limpeza podem efetuar a entrega nos seguintes postos de arrecadação: Centro de Convenções. Teatro Municipal, Base da PM no calçadão do Centro, Base da PM no Parque Vivamar, Espaço Cidadão (Maranduba) e Administração Regional Norte (Estrada Praia do Puruba, ao lado da Escola Berlamino). O Fundo Social conta com a ajuda de voluntários no Centro de Convenções para separar as doações.

 

 

Confira o balanço da operação

1 barco

2 botes (1 do GBmar e outro de São Sebastiao).

6 caminhões (Obras, Educação e Trânsito)

5 retroescavadeiras (particular e da Prefeitura),

1 Van Comtur

2 ônibus da Educação

1 Saveiro da COMTUR

5 Caminhonetes (2 dá defesa civil de Ubatuba e 3 de São Sebastiao)

1 ambulância SAMU

3 MOTOSERRAS

30 bombeiros

4 viaturas dos Bombeiros.

12 voluntários de Defesa  Civil

6 servidores da Defesa Civil

Funcionários da Comtur, Obras, educação, Fazenda e Saúde

 

 


-----------------

 


Fonte: Secretaria de Comunicação Social / PMU

 

Voltar