Noticias - Jornal Agito Ubatuba

Um novo conceito em jornal

Cidade: Ubatuba
Publicado em 26/06/2017

Prefeitura estuda possibilidade de instalação de teleférico em Ubatuba


Município deve receber empresários interessados nos próximos 15 dias

 

Na última quinta-feira, 22, o secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Bischof, acompanhado do secretário de Habitação e Planejamento Urbano, Wilber Cardozo, estiveram em Balneário Camboriú para uma reunião com a empresa Primo Tedesco – responsável pela administração do teleférico do Parque Unipraias e da Tedesco Marina Garden Plaza, referência náutica no Brasil.O objetivo do encontro é viabilizar o projeto da implantação do teleférico do Caisão até a antena da Globo. “Essa é uma iniciativa que não fere o meio ambiente, pois vimos em Balneário Camboriú o teleférico em funcionamento”, afirmou o secretário.

Segundo Bischof, o próximo passo é o agendamento de uma visita de representantes dessas empresas à Ubatuba, juntamente com o prefeito Délcio Sato (PSD), o que deve acontecer nos próximos 15 dias.

Já na sexta-feira, Cardozo e Bischof foram recebidos pelos senhores Evodio João de Souza, da Bontur (Bontur Bondinhos Aéreos), Vilmar Renato Machiavelli , consultor de negócios da Tedesco, Gustavo Bauer gerente comercial da Tedesco e Éverton Hercilio da Luz,  gerente operacional da Tedesco.

“A reunião foi muito produtiva e contou com visitas ao teleférico e a Marina Tedesco. O prefeito Sato nos deu liberdade para a viabilização desse atrativo tão sonhado. Fizemos uma apresentação sobre Ubatuba com informações fornecidas pelo secretário Vinicius, que foi muito útil aos diretores da Tedesco. Agora aguardaremos o agendamento a visita à Ubatuba”, concluiu Bischof.

“A reunião foi muito produtiva e contou com visitas ao teleférico e a Marina Tedesco. O prefeito Sato nos deu liberdade para a viabilização desse atrativo tão sonhado. Fizemos uma apresentação sobre Ubatuba com informações fornecidas pelo secretário Vinicius, que foi muito útil aos diretores da Tedesco. Agora aguardaremos o agendamento a visita à Ubatuba”, concluiu Bischof.

Voltar