Noticias - Jornal Agito Ubatuba

Um novo conceito em jornal

Cidade: Ubatuba
Publicado em 09/10/2015

NOTA DE INFORMAÇÃO


Durante a 30ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Ubatuba, que aconteceu na terça-feira, 06 de outubro de 2015, a Vereadora Flavia Pascoal ocupou a tribuna para falar sobre a Comissão Processante formada por ela como presidente, Vereador Bibi como relator e Vereador Xibiu como membro, para investigação do Prefeito, sobre possíveis irregularidades quanto à questão da saúde do Município. Relatou que na terça-feira, dia 06/10, iniciaram os trabalhos e o primeiro ato foi a notificação do Prefeito Maurício, a fim de que ele possa tomar conhecimento e se defender das acusações feitas por apontamentos de um munícipe. Respeitando os tramites processuais foram notificá-lo, a Vereadora Flavia, o Vereador Bibi, e um funcionário efetivo desta Casa de Leis, com fé pública para atestar o recebimento da notificação seguido do processo. Falou que após aguardarem por um longo período de tempo, o mesmo se encontrava em uma reunião, foram comunicados que ele não se encontrava no local. Tal fato causou-lhes estranheza, pois se sentiram enganados, então foi feito um relatório do ocorrido. Questionou que se não há nada de errado, o porquê de se esconder? Afirmou que de qualquer maneira o trabalho dará prosseguimento com total transparência e imparcialidade. Agradeceu a presença dos alunos da 1ª Turma do Curso Técnico de Serviços Jurídicos da ETEC de Caraguatatuba- Extensão Ubatuba e parabenizou pela capacitação. Falou que vem acompanhando a situação dos estudantes que utilizam os serviços da EMTU e que já fez um Pedido de Informação sobre os procedimentos e para que o Prefeito interviesse na situação dos estudantes com a EMTU, pois pagam um valor muito alto e os horários não batem e não conseguem atender os estudantes. Falou também da situação da estrada do Araribá e do Pedido de Informação enviado para saber da previsão para resolução dos problemas que afligem os moradores, mas que até agora não obteve resposta.
- Foi aprovado o Projeto de Lei nº. 74/15, da Verª. Flávia Pascoal, que altera a redação da Lei Municipal n.º 1.628/97, que altera o inciso IV, do art. 11 da Lei n.º 840/86, liberando o horário de funcionamento dos módulos especiais da Praia da Sununga, no Município de Ubatuba, pois a Praia da Sununga encontra-se numa situação atípica sendo considerada uma das melhores praias para a prática do Skinboard, por ser uma praia de tombo e com ondas perfeitas para a prática desse esporte. Por essa razão, atrai muitas pessoas praticantes e admiradores do esporte, além de turistas que aquecem a economia local tornando a praia muito movimentada principalmente no mês de junho, quando acontece o Campeonato Mundial de Skinboard, atraindo pessoas de vários países.

Voltar